Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

Ontem à noite, dia 8, assisti Mariah no Beacon Theatre. Sim, eu assisti a Mariah Carey atingir todas aquelas notas altas que eu esperar ouvir (sim, porque algumas destas notas são impossíveis de qualquer ser humano conseguir atingir), as escalas são executadas além da escala que Rocky Balboa pode atingir,  com vários fãs gritando aos prantos, oferecendo simplesmente um segundo de seu contato visual, seu charme através de suas brincadeiras afiadas no palco por duas décadas e meia de experiência no sob os holofotes  e geralmente ela pode compartilhar o seu estilo de celebrar o Natal com todos seus fãs.

Estarei fazendo isto esta à noite, nesta quinta-feira e através de todas as próximas noites que Mariah estará no palco no Beacon Theatre, que termina no dia 18 de dezembro, eu vou nos oito concertos que Mariah realizará nos próximos dez dias, e estou fazendo isto para estar celebrando muito bem no espírito do Natal, indo ao extremo emocional dos altos e baixos da música pop e na insanidade por ter nascido entre estas duas vertentes. Eu vou abraçar a minha lambdom interior – e vou fazer isto usando a minha camisola natalina em algum momento, eu tenho certeza disto!

Mariah Carey é uma das estrelas da música pop mais respeitadas, reconhecidas, e estranhamente caluniada no século passado, com um talento vocal superior a tudo e a todos, uma diva que abraça todos os atributos, positivos e negativos, que este papel exige. Ao contrário das artistas de sua geração – com exceção da grande Whitney HoustonMariah foi nivelando as expectativas que uma cantora de R&B e Pop podem fazer, com sua incrível gama de cinco oitavas, ela surgiu numa época em que grandes estrelas como La Scala tinham dado uma pausa. Antes de Christina Aguilera, Beyoncé  e Ariana conseguirem ficar de pé em cima de um palco com um microfone na mão, Mariah Carey estava exibindo  todo o poder  incrível  de sua insuperável gama vocal, indo das notas mais graves para as mais agudas em questão de minutos (ouça Can’t Let Go e Emotions de 1991), fazendo muito dinheiro em tão pouco tempo usando a sua voz de cabeça  naturalmente elevada (eu poderia listar todas as músicas que quebram qualquer espelho com este vocal, mas ficaria sem espaço no texto).   “Emotions”, “Fantasy”, “Honey”, “Always Be My Baby”, “Hero”, “Heartbreaker” – todos os seus singles são afetuosos, e sem pedir desculpas por isto: todos atingiram ao topo das paradas com letras de amor frustrados ou declarações afetuosas que tiveram o mesmo impacto.

E depois destas, também temos “All I Want for Christmas Is You”. Esta é a razão o porque a Mariah é tão importante para temporada natalina,  esta música é o alicerce deste feriado, uma espetacular e trilha sonora oficial de todos os Natais desde 1994. Aquele ano foi muito bom para Mariah, o seu álbum ‘Music Box’ tornou-se o segundo disco mais vendido naquele ano, mas foi o seu primeiro álbum natalino, o ‘Merry Christmas’ que deu a imortalidade cultural de Mariah Carey. O ‘Merry Christmas’ é o disco natalino mais vendido de todos os tempos (me desculpe, Bing Crosby), “All I Want for Christmas Is You”  já foi executada mais de 82 milhões de vezes no Spotify (se formos comparar, “Always Be My Baby”, sua segunda faixa mais tocada na plataforma, foi executada 25 milhões de vezes). Nove anos após o seu lançamento, Love Actually deu um novo gás para  “All I Want” , colocando ela no filme, e assim cimentando ainda mais o seu status como a maior canção de todo os tempos. A canção é tão importante e popular para o Natal como “Jingle Bell Rock”, “Feliz Navidad”, “Rockin’ Around the Christmas Tree,” e  “Run Rudolph Run” . Basta assistirmos a clássica apresentação de Mariah cantando a música com o The Roots no programa do Jimmy Fallon, usando a nossa camisola e cantando a música aquecendo os nossos recessos mais sombrios e nossas entranhas emocionais. Experimente isto!

Então, faz sentido para Mariah Carey realizar uma série de concertos natalinos anuais, ela começou esta jornada em 2014, quando o Beacon Theatre lhe deu a chance para provar que poderia ter êxito fazendo isto. Com base no enorme sucesso que fez ano passado, ela retornou ao mesmo local no dia 8 de dezembro para dar o pontapé inicial no segundo ano de seus concertos natalinos batizados de All I Want for Christmas Is You , levando muito brilho para as neves de Natal. Eu nunca tinha visto um concerto da Mariah pessoalmente, vou admitir que fiquei muito curioso – e fiquei com baixas expectativas sobre ele.  Achei que ela ia começar bem devagar e evitar arriscar as notas mais altas em prol da preservação de sua voz, pois ela fará 8 shows numa maratona de 10 dias, isto não é tão simples assim. E como ela é uma excelente profissional, tem que descansar a sua laringe para executar as canções na melhor forma todos estes dias.

Mariah evitou poupar as notas altas em sua primeira noite no Beacon, até mesmo quando ela preferiu cantar de um modo mais seguro e abaixando um pouco o volume de sua incrível gama vocal, ela se entregava de corpo e alma para canções. Os estranhos versos sussurrados de  “O Holy Night”  no estilo Marilyn Monroe de cantar, e o Vince Guaraldi Trio de “Christmas Time Is Here” foram rapidamente esquecidos quando ela voltou a subir até o céu as suas notas vocais para nós, vimos que ela era capaz de executar as notas fora dos limites que ela fez em estúdio. Um dos únicos (e raros) momentos estranhos no show, fo quando um coral ficou animando a platéia cantando ‘Carol Of Bells’, e entrou um ballet lindo dançando, foi neste momento que Mariah  sumiu do palco e foi trocar de roupa.

Com dois álbuns natalinos bem sucedidos, Mariah tem um música suficiente para fazer uma setlist enorme, muito maior que um hora e quinze minutos de duração, e a inclusão de alguns de seus maiores sucessos – mais notavelmente ‘Emotions’, deixou a audiência eufórica – foi gratificante até mesmo para os fãs mais jovens de Mariah, que não eram nascidos na época que esta música fez muito sucesso.

A primeira noite de ”All I Want for Christmas Is You”  foi sólida, e por isto estou aqui para ver como continuará ao decorrer desta semana.  O saldo geral da primeira noite foi gratificante e muito agradável, e isto desperta muita curiosidade das pessoas, algumas ainda tem um pouco de dúvida se durante a noite este pacote de presente será bem amarrado, Mariah já revelou que em sua celebração de Natal oficial, ela recebe a visita das renas e do Papai Noel com presentes.

Por isto, que até o dia 18 de dezembro, estarei com uma tatuagem de borboleta, alguns produtos licenciados de Mariah do Hallmark Channel, um cartão de membro oficial do fã-clube de Mariah, porque é fácil identificar os fãs que viajam de longe e vem assistir a Mariah para viver momentos sensacionais, e apreciar as perfeições e imperfeições dela. Eu também poderia levar um som para para o meu escritório e ficar cantarolando “YoUuUuUuUuUu BABAY”, até que meu chefe me mande embora da sala e eu vá paquerar a secretária. De qualquer forma, uma coisa é certa, o poder que Mariah Carey tem perante o Natal é uma força a ser reconhecida, se ela pode inspirar e lotar oito noites de bom ânimo e transformar sentimentos tradicionais e considerados bobos em algo suave, ela pode também inspirar os ouvintes presentes, chegando em um lugar cativo no coração de cada um deles, até mesmo daqueles que nem ligam muito para o Natal, tipo eu.

Fonte:  Village Voice

Deixe sua opinião

Este artigo não possui comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.