Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

O lendário executivo da música, Tommy Mottola, mudou de ramo e levou seu talento para a Broadway, trabalhando como produtor principal de “A Bronx Tale“, baseado na história de Chazz Palminteri, que foi transformada em um filme dirigido por Robert De Niro. Mottola, que foi presidente e CEO da Sony Music e cresceu no próprio Bronx, disse que a história é “muito próxima” dele.

“Eu imaginei que a única coisa que daria um upgrade a essa grande história e torná-la diferente do filme seria incluir a música. Foi aí que trouxemos Alan Menken, brilhante, um gênio da música”, disse Mottola nessa quarta-feira (01/03) no “CBS This Morning“.

Mottola trabalhou com inúmeros artistas, incluindo Céline Dion, Jennifer Lopez, Shakira, Hall & Oates e Beyoncé, ainda em seus dias de Destiny’s Child. Ele também descobriu Mariah Carey, com quem se casou e se divorciou na década de 1990. Em quase 15 anos na Sony, ele triplicou a receita da empresa para quase 7 bilhões de dólares, vendeu cerca de 8 bilhões de CDs e expandiu sua operação para mais de 60 países.

Então por que a Broadway agora? Mottola disse que estava procurando um desafio criativo. “Acho isso extremamente desafiador, mas extremamente gratificante”, disse ele. “Há tantas peças em movimento e são tão complicadas”, completou. “Quando tudo está no papel, é uma coisa, mas quando você coloca tudo em prática, você precisa confiar nos bons profissionais, entregar nas mãos deles. Aqui você faz as pessoas se moverem, falarem, cantarem, atuarem… É muito diferente do mundo da música, onde você ‘apenas’ sobe no palco e canta.”

Ele disse que levou cinco anos para a produção se concretizar. “Eu pensei que nunca seria feito”, Tommy comentou.

O executivo também falou sobre o atual estado da indústria musical. “As pessoas têm um apetite mais voraz pela música, e têm, por causa da era digital. Acho que isso torna muito mais difícil ‘criar’ um superstar. Acho que a economia não permite isso, não dá esse tempo”, disse Mottola.

Perguntado sobre o infame desempenho de sua ex-esposa Mariah Carey na véspera de Ano Novo na Times Square, Mottola disse que isso poderia acontecer a qualquer um. “Adele no Grammy parou todo o show e assumiu o comando”, lembrou Mottola. “Então, o que quero dizer, é que é importante para os artistas saberem que eles têm esse poder, eles têm essa capacidade de dizer: ‘Pare, eu vou começar de novo'”.

“Acho que a Mariah é uma das pessoas mais talentosas que já conheci em toda minha carreira, certamente uma grande compositora e cantora”, finalizou.

Fonte: CBS News

Deixe sua opinião

Este artigo não possui comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.