Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

Se há um gênero que sofreu as mudanças mais abrangentes nos anos 2010, é o R&B.

Desde a sobrevivência do fenômeno EDM até o declínio nas vendas de música para mais artistas seguindo o caminho independente, esta década parecia impedir mais desafios para artistas estabelecidos e emergentes.

E não devemos esquecer os debates em andamento sobre “o estado do R&B” e os críticos que declaram o R&B um “gênero morto” em mais de uma ocasião.

Ainda assim, com toda essa conversa dura sobre R&B, o que permaneceu consistente ao longo desta década foi a quantidade generosa de música extraordinária dos artistas que sempre adoramos àqueles que amamos.

Após muitos debates internos e noites sem dormir, a equipe editorial da Rated R&B compilou uma lista sem classificação dos 50 Melhores Álbuns de R&B da década de 2010. Os álbuns estão listados em ordem alfabética.

13. Caution — Mariah Carey (2018)

Uma lenda da música não pode lançar um álbum sem grandes expectativas de fãs e críticos. Ao longo de sua carreira, Mariah Carey sempre estabeleceu e excedeu o nível de excelência musical com seu alcance vocal impecável e suas letras hipnotizantes. Caution, o 15º álbum de estúdio de Carey, provou por que ela conseguiu vender mais de 200 milhões de discos ao longo de sua carreira. Se ela está cantando baladas ternas como “With You” e “Portrait” ou exibindo seu lado brincalhão em “A No No” e “GTFO”, o Caution lembra agradavelmente ao mundo que existem níveis para o talento de Carey. – K.S.

Ouça: Apple Music / Spotify

 

Deixe sua opinião

Este artigo não possui comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.