Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

Nick Cannon

“Eu já acordo dessa maneira, natural – eu juro”, brinca Mariah Carey enquanto é maquiada. A vencedora do Grammy disse que estava pronta para lançar seu próprio programa porque, “Não tenho certeza se as pessoas realmente me conhecem”.

Agora, a Variety conversa com Carey sobre “Mariah’s World”, “Keeping Up With the Kardashians”, “American Idol” e mais …

Variety: Porque esse era o momento certo para lançar o documentário?
Mariah Carey: Porque estávamos nos preparando para a turnê, ensaiando, viajando… ia ser hilário. Mentira, eu não pensei que seria hilário – eu só queria fazer isso porque eu pensei que seria muito divertido.

V: De quem partiu a ideia? De você ou do (canal) E!?
MC: A ideia foi minha, pois sabia que sairia em turnê e queria documentá-la.

V: Você já pensou em fazer um programa como esse antes?
MC: Eu tinha pensado no passado, mas agora, me pareceu o momento certo, por causa do que estávamos fazendo criativamente com as apresentações e tudo mais.

V: Eu imagino que outras redes de TV já quiseram fazer isso com você. Você já teve outras ofertas?
MC: Eu definitivamente tive, mas nesse caso foi diferente, era nos meus termos. Tudo estava nas minhas mãos. A percepção de como filmar e que caminho seguir foi minha.

V: O que mais vamos ver no programa, além de sua turnê?
MC: Há tanta coisa que rola nos bastidores. Vale a pena sintonizar para não perder nada.

V: Quanto vamos ver da sua vida profissional com a tour vs. sua vida pessoal com seus relacionamentos e seus filhos?
MC: É um bom equilíbrio. Eu acho que você vê um pouco de tudo.

V: Quando o programa foi anunciado, ele foi descrito como os “sendo sobre os bastidores de sua turnê e casamento”. Houve alguma reedição dadas as mudanças em sua vida pessoal?
MC: Eu não tenho certeza, mas acho que podemos estar filmando algumas dessas reedições hoje [risos]. É difícil, porque eu não posso falar por alguém que está envolvido na minha vida pessoal. Queremos que todos sejam felizes, mas não é assim.

V: É estranho pôr sua vida inteira nas telas?
MC: Bem, eu não diria que é toda a minha vida [risos]. Foi um pouco estranho, mas, novamente, foi a minha escolha que é a forma como é.

V: Você esteve no centro das atenções por décadas e o mundo tem te seguido a cada passo. Este programa é uma maneira para você dizer: houve tantas coisas inverídicas escritas sobre mim, mas isso é realmente quem eu sou?
MC: Acho que sim, mas estou curtindo tudo. Mas quero que as pessoas pensem “ela é exagerada, ela é isso, ela é isso, ela nem sempre é séria”. Não sei o que as pessoas pensam de mim. Eu tive essa conversa com Ellen [DeGeneres] e eu estava tipo, “Eu não sei qual o maior equívoco sobre mim, porque eu não sei o que as pessoas pensam sobre mim.” Eu não sei.

V: Quando as pessoas sintonizarem a TV, o que você quer que eles aprendam sobre você?
MC: Eu realmente adoro diamantes e jogar os cabelos e passar muita maquiagem, mas, honestamente, não sou só isso? Sim, parte disso sou eu. Quero dizer, eu ficaria louca se alguém me desse um novo bracelete de diamantes? Sim. Mas isso não significa que só isso me interesse. Na verdade, eu sei o que é ser extremamente pobre, vivendo sozinha em Nova York – ou realmente viver com mais cinco meninas, todas dormindo em colchões no chão. Mas essa é a parte que as pessoas realmente não veem. Mas eu também não quero dizer, “Olhe para a minha vida. Veja o quanto sofri “. Eu não sou assim.

V: Qual a coisa que você acha que ninguém sabe sobre você?
MC: Eu espero que haja mais de uma coisa, porque seria muito triste se todos soubessem tudo sobre mim. Não tenho certeza se as pessoas realmente me conhecem.

V: Eu sei que você está chamando o seu programa de docu-série (junção das palavras documentário e série) – não um reality show – mas você é fã de algum reality?
MC: Não, eu não sou! Acho que só vi um na minha vida, e foi por isso que eu disse que não faria isso, a menos que fosse um documentário. Se as pessoas querem chamar disso (reality) porque isso os torna felizes, então isso é com eles, mas, para mim, é estilisticamente tão diferente.

V: “Keeping Up With the Kardashians” também é do E!. Você já assistiu?
MC: Talvez uma ou duas vezes. Mas isso é porque eu não assisto TV e, quando assisto, eu prefiro assistir a uma série que eu realmente gosto.

V: Você já teve experiências anteriores ao “Mariah’s World” – seu infame episódio do “Cribs” e o “American Idol”.
MC: Que é o pior.

V: Você trabalharia em outro reality musical?
MC: Eu teria que saber com quem estarei trabalhando. Nesse ponto, eles me colocaram com alguém que eu, realmente, não sabia e eu sei que a química era horrível e, basicamente, sendo que acabou agora, estou muito feliz. Eu faria isso de novo com alguém como Simon Cowell, talvez.

V: Obviamente, no momento em que você estava no “American Idol”, haviam toneladas de matérias sobre você e Nicki Minaj. As matérias eram verdadeiras?
MC: Sobre Nick Cannon?

V: Não, não, não – Nicki Minaj.
MC: Hummm, do reality. Bem, como eu poderia dizer isso? Eu não disse nada durante o programa, então continuarei a não dizer nada. Não vale a pena gastar tempo para lembrar desse horrível momento em que meus advogados me “obrigaram” a assinar o contrato (para o American Idol) apenas para ganharem suas comissões. Mas, tirando isso, foi bom pra caral…! [Risos]

V: Você já pensou em fazer mais episódios de “Mariah’s World” após os primeiros oito episódios?
MC: Sim. Se as pessoas gostarem, vou pensar melhor sobre isso. Depende do que eu estiver fazendo no momento – se estiver em turnê ou estiver em estúdio. Quando eu estou em estúdio eu não gosto de muitas pessoas a minha volta. Eu prefiro ficar sozinha ou com meu engenheiro (de som). Então vamos ver. É por isso que estou dizendo que é um docu-série. Cobre um momento específico, e muito importante, da minha vida.

V: Você já fez muitas coisas durante sua carreira. Qual os planos para o futuro?
MC: Oh meu Deus, eu tenho tantos (planos)! Eu tenho um monte de coisas diferentes que estou tocando agora, mas eu não tenho certeza se ainda posso falar. Estou muito ansiosa para dividir tudo com vocês, mas no momento certo.

V: Eu vi você em “Empire”, foi muito divertido.
MC: Oh, obrigada. Eu amo Jussie [Smollett]. Ele é um bom amigo. E, claro, Lee Daniels.

V: Existem outros programas dos quais você gostaria de participar?
MC: Na verdade não. Estou feliz por estar fazendo meu próprio programa. E há um outro programa que estamos planejando, mas te digo quando eu puder.

V: Então você está planejando algo?
MC: Sim, é muito emocionante.

V: Estão nos seus planos continuar dividindo seu tempo entre a música e a atuação?
MC: Honestamente, eu gosto de ambos, mas eu sempre amarei estar no estúdio, compor, gravar… Mas eu adoro fazer filmes e, é por isso que continuo dizendo a Lee Daniels: “É melhor você voltar e fazer um filme logo! Apresse-se! “Eu o amo como diretor, e outros diretores também, mas fazer “Precious” com ele (Lee Daniels) foi emocionante… Eu só tive um dia para me preparar, então foi exaustivo, mas muito gratificante.

V: Existe alguém com quem você queira gravar?
MC: Oh sim, mas eu não posso te contar! [Risos] Existem alguns e estamos trabalhando nisso agora.

Fonte: Variety

Bem-vindo ao mês de aquecimento para a época mais festiva do ano. Novembro começou e o samba de Mariah Carey também!

Nós sempre publicamos a evolução (chart-run) das músicas mais expressivas nas paradas mundiais, então se você não está acostumado com números, melhor se acostumar, pois daqui em diante você só vai ouvir falar de uma coisa: Natal.

Primeiro que o mundo todo comemora (até quem não acredita em papai noel, Jesus Cristo, árvore encantada e brilha brilha estrelinha), segundo que fã de Mariah Carey ama o Merry Christmas (1994) e, no mínimo, aceita o Merry Christmas II You (2010), terceiro que natal, para os estadunidenses significa ouvir All I Want For Christmas Is You em todo lugar, ou seja, Mariah Carey, Mariah Carey, Mariah Carey!

Quem liga para o James Packer agora? Divórcio? Quem? Agora é natal e o samba que deveria ser no Carnaval, começa agora, lambs.

Mariah já vinha estreando o single mais louco do mundo (aparece duas vezes na Billboard por ano) nas plataformas digitais desde setembro, mas agora, depois do Halloween, só há espaço para os sinos de natal nas paradas e nos nosso fones de ouvido.

All I Want For Christmas Is You já está na iTunes Charts dos EUA, Canadá e Reino Unido, já subiu no ranking de streamings de Mimi no Spotify e tem potencial para pegar um top 10, pelo menos, na Billboard Hot 100 dos EUA. Duvida? A gente não! Vamos aos números da semana?

A música fechou os peaks mundiais nas lojas iTunes até a data de ontem (02/10/2016) assim:

#69 Dinamarca (=) peak #69
#104 Reino Unido (+16) peak #104
#119 Bulgária (=) peak #100
#121 Estados Unidos da América (+7) peak #99
#127 Catar (=) peak #127
#127 Letônia (Nova)
#128 Canadá (+31) peak 128
#129 Singapura (Nova)
#150 Noruega (-63) peak #87
#150 Gana (=) peak #91
#156 Lituânia (+11) peak #156
#157 República Dominicana (Nova)
#158 Espanha (+494) peak #158
#162 Chipre (-9) peak #146
#170 Hungria (+3) peak #170
#188 Portugal (-42) peak #146
#193 Holanda (Nova)
#196 República Tcheca (-18) peak #193

Fora do TOP 200 nas lojas iTunes:

# Bermuda peak #68
# Bahamas peak #158
# Irlanda peak #195
# Suécia peak #528

A música já estreou no Spotify Charts por país também:

#174 Dinamarca (Nova)

E os streamings no Spotify ficaram altos também:

SPOTIFY MARIAH CAREY STREAMINGS
23/09/2016 20:15:00 ALL I WANT… 116.377.290 | #9
30/09/2016 18:15:00 ALL I WANT… 116.619.307 (+242.017) | #8 (+1)
07/10/2016 18:45:00 ALL I WANT… 116.910.743 (+291.436) | #7 (+1)
14/10/2016 19:45:00 ALL I WANT… 117.252.287 (+341.544) | #6 (+1)
19/10/2016 19:30:00 ALL I WANT… 117.522.398 (+270.111) | #4 (+2)
26/10/2016 18:00:00 ALL I WANT… 117.956.878 (+434.480) | #3 (+1)
02/11/2016 18:30:00 ALL I WANT… 118.793.763 (+836.885) | #2 (+1)

YOUTUBE VIEWS
23/09/2016 20:15:00 ALL I WANT… 179.831.020
30/09/2016 18:15:00 ALL I WANT… 180.211.287 (+380.267)
07/10/2016 18:45:00 ALL I WANT… 180.722.955 (+511.668)
14/10/2016 19:45:00 ALL I WANT… 181.369.420 (+646.465)
19/10/2016 19:30:00 ALL I WANT… 181.863.692 (+494.272)
26/10/2016 18:00:00 ALL I WANT… 182.777.977 (+914.285)
02/11/2016 18:30:00 ALL I WANT… 184.094.807 (+1.316.830)

VEVO VIEWS
23/09/2016 20:15:00 ALL I WANT… 180.159.211
30/09/2016 18:15:00 ALL I WANT… 180.159.211 (=)
07/10/2016 18:45:00 ALL I WANT… 181.003.798 (+844.587)
14/10/2016 19:45:00 ALL I WANT… 181.003.798 (=)
19/10/2016 19:30:00 ALL I WANT… 181.003.798 (=)
26/10/2016 18:00:00 ALL I WANT… 182.937.921 (+1.934.123)
02/11/2016 18:30:00 ALL I WANT… 182.937.921 (=)

Outros registros da semana:

>> iTunes Update (Músicas-Downloads)

O Holy Night
#152 Micronésia (=) peak #146

>> iTunes Update (Álbuns-Downloads):

Merry Christmas
#48 Ilhas Virgens Britânicas (+3) peak #48
#90 Fiji (-2) peak #86
#91 Barbados (+2) peak #88
#103 São Cristóvão e Nevis (=) peak #103
#170 Hungria (Nova)
#180 Ilhas Virgens Britânicas (+4) peak #149
#182 Antígua e Barbuda (-2) peak #179
# Gana (fora) peak #72
# Ilhas Caimã (fora) peak #197
# Bahamas (fora) peak #184
# Papua-Nova Guiné (fora) peak #199

Merry Christmas II You
#74 Bahamas (-31) peak 30

Me. I Am Mariah…The Elusive Chanteuse
#129 Filipinas (-3) peak #126
#136 Mongólia (+13) peak #136
#140 Jordânia (+2) peak #140
#158 Antígua e Barbuda (-3) peak #155
#173 Malásia (-19) peak #154
#173 Níger (-1) peak #172

# Barém (fora) peak #145

#1 to Infinity
#102 Fiji (-4) peak #98
#136 Burquina Faso (-7) peak #128
#159 Mongólia (+22) peak #159
#172 Zimbábue (+13) peak #172
#187 Barém (+1) peak #187
#200 Jordânia (Nova)

>> Spotify Update (Streamings):

Oh Santa!
3.864.740 (+19.923)

Angels Cry
3.086.677 (+21.998)

Angels Cry (feat. Ne-Yo)
687.407 (+11.294)

>> YouTube Update (Views):

Angels Cry (feat. Ne-Yo)
83.918.303 (+390.054)

Oh Santa!
8.353.454 (+30.648)

>> VEVO Update (Views):

Angels Cry (feat. Ne-Yo)

83.892.507 (+948.218)

Oh Santa!
8.502.422 (=)

Logo mais às 21h (Horário de Brasília-DF), Mimi fará sua primeira performance natalina ao vivo para ajudar a impulsionar All I Want For Christmas Is You nas tabelas norte-americanas. Carey estará na Hudson’s Bay & Sak’s Window Unveiling Event na Queen Street em Toronto-ON, onde cantará duas músicas. Ainda sem anúncio oficial, Mariah deverá fazer uma aparição ainda hoje  [à 00h (Brasília-DF) do dia 04] mais tarde no evento de iluminação de Natal (Christmas Tradition) na Woodward’s Department Store em Vancouver-BC.

O natal está só começando para ela e para nós, pois ainda são esperados para dezembro a exibição de mais um especial de natal pelo Hallmark Channel, performances tradicionais de natal nos EUA e a residência natalina em Nova York, EUA no Beacon Theatre com o show All I Want For Christmas Is You em cinco noites.

Agora fique de olho na nossa fan-page para acompanhar tudo que a maior diva que você respeita está preparando para os próximos dois meses.


Dados atualizados via iTunes WW, Spotify Charts & Streamings, YouTube Views e VEVO Views.

 

Mariah Carey para seu dançarino: Baby, você pode conduzir o meu carro.

14886173_10206246146147433_674743146_n

14961354_10206246145867426_489137103_n

Há um novo cara no banco do motorista de Mariah Carey e, James Packer vai ficar chateado. MC pegou a estrada com seu coreógrafo e dançarino, Bryan Tanaka, no Halloween – ele estava atrás do volante de seu carrinho de golfe, ostentando a coroa de um rei – quando ela estava levando sua filha Monroe de 5 anos de idade para brincar de ‘doces ou travessuras em Calabasas.

TMZ soltou a história… Tanaka é o cara que Packer conflitou quando ele pensou que Mariah estava chegando muito perto dele. Nossas fontes da Mariah dizem que ela e Bryan, definitivamente, não estavam se batendo – mas Mimi teve que saber sair com ele e não ficar sob a pele de Packer. A cena com Tanaka deve parecer familiar. Mariah, normalmente, anda com Nick Cannon para Halloween, mas ele estava em Nova York neste ano.


Publicação: TMZ em 01/11/2016

Coreógrafo teria uma aproximação muito grande com a cantora.

Além dos diversos fatores para o divórcio de Mariah Carey com James Packer, como os gastos excessivos em joias e roupas e o empresário estar insatisfeito com as filmagens do reality show da cantora, tem mais um fator que também é cogitado pela imprensa internacional.

A intimidade de Mariah e seu coreógrafo, Bryan Tanaka, também teria incomodado o bilionário australiano. Tanaka tem no currículo trabalhos com Beyoncé, Rihanna e até a brasileira Wanessa Camargo. Com o corpo todo trincado, ele sempre aparece próximo de Mariah nas imagens da equipe do show e também não dispensa os alimentos mais ‘natureba’, como o açaí.

Entretanto, em resposta ao envolvimento com o coreógrafo, Mariah diz ser uma moça de família e não faz sexo antes do casamento, deixando a hipótese de traição cada vez mais fraca. James Packer também teria sofrido com isso, já que, apesar de sempre serem vistos juntos, o casal só dormia em quartos separados. A informação também foi confirmada pelo ex-marido da cantora Nick Cannon, que afirmou ter feito sexo com Mariah apenas após subir ao altar.

Good friends are like stars… you don't always see them but you know they're always there. #360 #MuchLove

A photo posted by Bryan Tanaka (@bryantanaka) on

We Up Too Something… #MariahsWorld #DjKhaled #BryanTanaka #AnotherOne #BlessUp #MuchLove

A photo posted by Bryan Tanaka (@bryantanaka) on

La Familia… #MuchLove

A photo posted by Bryan Tanaka (@bryantanaka) on

Happy Anniversary #MariahCarey ???

A photo posted by Bryan Tanaka (@bryantanaka) on


Publicação: Luigi Civalli | Ofuxico em 01/11/2016
Fotos: Reprodução/Instagram/bryantanaka
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.