Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

Def Jam

Em recente entrevista para o site Hits Daily Double, Steve Bartels, CEO da Def Jam, falou sobre o sucesso do selo e também sobre a saída de Mariah Carey de lá para voltar à Sony Music no começo deste ano.

Leia abaixo:

Mariah Carey deixou a Def Jam para se reunir com L.A Reid na Epic. O que parece ter sido o melhor para ela, qual lição vocês aprenderam com o último disco dela, Me. I Am Mariah…The Elusive Chanteuse, que não funcionou tão comercialmente como esperavam?

Eu tive o meu grande sucesso na carreira com Mariah Carey. Em 2005, nós trabalhamos juntos no The Emancipation Of Mimi. Mas quando ela tomou esta decisão, nós fizemos isto em conjunto, para ela poder se descolar para Epic sem problemas, eu entendi que era algo que ela precisava fazer. Mariah e L.A tem um ótimo relacionamento, e acho que seria ótimo ela se reunir com ele, pois ele era o que ela estava procurando naquela altura do campeonato. Nós temos uma grande história juntos. Mariah nunca se esquivou de crescer como artista e experimentar em trabalhar com novos colaboradores. Eu tenho o mais profundo respeito e carinho por seu talento e legado.

Hoje é dia de folia, e nosso coração quer convidar vocês! Sim, hoje completa 25 anos que o mundo descobriu o enorme poder das cinco oitavas de Mariah Carey.

Há exatos 25 anos, Mariah Carey lançava o seu aclamado, soberano e icônico single, “Vision Of Love”, então, nós do Mariah Now fizemos uma lista com com 25 grandes apresentações de Mariah Carey ao longo dos últimos 25 anos.

Escolhemos uma  apresentação por ano, confira ao rank abaixo:

1990:

[youtube id=”BgAtOKhnpJs” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Como programamos a apresentação de “Vision Of Love” no GMA em nossa Fanpage, então decidimos escolher esta de “All Your Mind” (acapela), na primeira aparição da Mariah no “Saturday Night Live”, para postar aqui. É tão difícil escolher UMA única apresentação de 1990, e nem precisamos justificar o motivo, não é mesmo?

1991:

[youtube id=”pj2gbgGPjvw” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Provavelmente, este é o MELHOR live de Emotions de todos os tempos. A partir do minuto 04:08, você entender o porquê! 😀

1992:

[youtube id=”-bi3WHuh49c” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]
Se em 1991, Mariah tinha derrubado forninhos com a apresentação de “Vision Of Love” no Grammy, em 1992 ela derrubou a cozinha I-N-T-E-I-RA com esta apresentação de “If It’s Over”.

1993:

[youtube id=”F-YJSSdZq50″ align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Em 1993, Mariah fez uma das mais emocionantes e incríveis apresentações de “Hero” no Tonight Show com Jay Leno. 

1994:

[dailymotion id=”x2njdp8″ align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Em 1994 também é um ano muito difícil para escolhermos somente uma apresentação, porém, contudo, todavia, esta performance de “Joy To The World” é simplesmente o ápice da perfeição!

1995:
[youtube id=”TELGPgTaSpY” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Qualquer apresentação deste icônico concerto em 1995 no Madison Square Garden é perfeita, mas decidimos escolher esta de “Make It Happen”, porque além de ser uma das melhores (senão, A MELHOR), é um dos pontos altos do concerto.

1996:
[youtube id=”_hHhyenm8-I” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Provavelmente, entre os anos de 19941995 e 1996, tivemos o ápice vocal de Mariah Carey. A Daydream World Tour é a grande prova disto! Esta apresentação de “Forever” no concerto de Rotterdam é simplesmente maravilhosa!

1997:
[youtube id=”_xHqg0-yRyU” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

De volta ao Saturday Night Live em 1997, Mariah Carey fez a melhor apresentação ao vivo de “My All”de todos os tempos. Esta apresentação vai morar eternamente na memória de todos nós!

1998:

[youtube id=”J1OlwYJ364k” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Em 1998, Mariah Carey se juntou a Whitney Houston para realizar um dos duetos mais icônicos da história da música pop. Whitney, que foi inspiração (e ainda é) para muitas cantoras, inclusive para própria Mariah Carey. Apesar de muitos terem tentado colocar uma contra a outra, as duas maiores vozes que já existiram na história da música se encontraram e gravaram este dueto memorável. É uma uma pena este dueto ter sido somente em 1998, quando Whitney já estava em um grande declínio comercial e sendo extremamente boicotada nas rádios norte-americanas. Mariah nesta época, também passava por um período difícil como Tommy Mottola, foi nesta época que começaram a ser roubados samples do “Glitter” e outras coisas. Mas vamos esquecer todo o drama e apenas apreciar este dueto.

1999:
[youtube id=”BGwrMGe-4OI” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Ao longo destes 25 anos de carreira, Mariah foi abençoada por Deus por colaborar somente com grandes cantores. Em 1999, ela se apresentou ao lado de Luciano Pavarotti (em seu evento anual), para cantar “Hero”.  Esta apresentação é inesquecível!

2000:

[youtube id=”GUC8ft_B-M0″ align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Esta apresentação de Can’t Take That Away no Divas Live de 2000 é emocionante. Mariah vai até o chão e sofre em cada verso da canção, ela expressa toda sua emoção em notas que pareciam intermináveis.

2001:

[youtube id=”z8Og6z97w_8″ align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Para quem acompanhou/vivenciou o ano de 2001 como fã de Mariah Carey, sabe o quão difícil foi para ela superar tudo o que estava acontecendo na sua vida naquela época. Esta apresentação de Never Too Far/Hero no especial Home For The Holidays para TV Norte-Americana exibe a sua voz em uma excelente forma, é um show vocal de whistles e extensão vocal.

2002:

[youtube id=”43fsw4R5ntc” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Esta apresentação de  “You and I” no Especial do BET em 2002 é uma derrubação de forninhos em massa. Este grave maravilhoso que só a Mariah consegue fazer. Simplesmente irresistível. 

2003:

[youtube id=”i33vz55pWc4″ align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

A Charmbracelet World Tour é uma das eras favoritas dos Lambs (especialmente dos mais novos, que não viveram os anos 90). Mariah estava com o vocal incrível, além de estar com um corpo escultural (provavelmente o ápice da beleza). O prometido registro oficial desta turnê é o sonho de consumo de qualquer fã. A versatilidade de Mariah Carey como cantora é exibida nesta introdução que ela fazia para sua banda durante a turnê. O ápice é a partir do minuto 03:00, quando ela acompanha a escala do teclado com os whistles.

2004:

[youtube id=”6vgdxpbLcKg” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Em 2004, Mariah Carey fez uma das melhores apresentações de todos os tempos de “All I Want for Christmas Is You”. Ela foi uma das convidadas de honra no famoso e tradicional especial natalino da ABC, o Disney Parade.

2005:

[youtube id=”TU4fYs2MVKE” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

O ano de 2005 marcou o grande retorno de Mariah Carey ao topo das paradas. Mas foi durante o especial “Blueprint” do BET TV que a Mariah realizou as melhores apresentações ao vivo desta era. A “We Belong Together” é destruidora!

2006:

[youtube id=”Za-DFn15IAs” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Este medley do Grammy 2006 “Fly Like A Bird/ We Belong Together” nem precisa de descrições. Naquele ano, Mariah foi a ÚNICA artista a ter sido aplaudida de pé durante após a sua apresentação, ela foi completamente ovacionada. A apresentação está na lista como uma das melhores apresentações de todos os tempos do Grammy.

2007:

[youtube id=”FkiQaYD-hzA” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Esta apresentação de  “Heartbreaker/If You Should Ever Be lonely” na EuroDisney em 2007 foi maravilhosa. Mariah sendo muito profissional e realizando o show até debaixo de chuva!

2008:

[youtube id=”ME00Y27MA1Q” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

A apresentação de Christmas (Baby Please Come Home) na cerimônia de Indicados do Grammy de 2008 foi a cereja do bolo naquele ano. Mariah arrasou cantando a música no tom original de 1994.

2009:

[youtube id=”QQ0CTGZF3MA” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

A apresentação de “I Want to Know What Love Is” no Alan Carr é uma das melhores apresentações de 2009. Os whistles são incríveis!

2010:

[youtube id=”1SrnWasDW84″ align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Em 2010, finalmente tivemos a chance de assistir um show de Mariah Carey no Brasil. Depois de 12 anos sem cantar “I Still Believe”, Mariah atendeu ao pedido dos fãs brasileiros e cantou este clássico durante o show em Barretos. Pode não ser a melhor apresentação daquele show ou a melhor de 2010, mas será eternamente lembrada por nós, pois estávamos lá e vivemos todo aquela adrenalina/emoção.

2011:

[youtube id=”_Z9watod5kM” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Em 2011, Mariah Carey fez um concerto natalino em holograma para Europa. Ela estava cantando em um estúdio em porém o concerto estava sendo exibido em alguns países europeus. Silent Night na voz dela é sempre maravilhosa, independente do ano.

2012:

[youtube id=”sWEfszb9h8Q” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Provavelmente, a clássica de “All I Want For Christmas Is You” com Jimmy Fallon é a melhor apresentação de 2012. O vídeo tornou-se viral no final de 2012, ganhando muitas visualizações e repercussão na mídia devido ao incrível desempenho vocal de Mariah Carey ao executar a canção!

2013:

[youtube id=”P1YgNrBS1yQ” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

O ano começou com o pé direito (pena não ter terminado do mesmo jeito) para Mariah Carey. Ela realizou 3 concertos esgotados na Austrália (ambos bateram recorde de vendas de ingressos por lá) no começo ano, e durante as inúmeras conversas com os fãs, Mimi cantou acapela dois clássicos dos anos 90, Can’t Let Go e Love Takes Time, mostrando mais uma vez porquê ainda era a maior vocalista de todos os tempos.

2014:

[youtube id=”k8H9Z8QexD8″ align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Depois de encerrar uma turnê mundial, Mariah fez uma residência natalina no Beacon Theater em dezembro de 2014.  Ali tivemos as melhores apresentações vocais de Mariah Carey nos últimos anos. Depois das duras críticas em Rockefeller, Mariah estava inspirada para provar para os críticos que ela ainda poderia cantar seus clássicos dos anos 90. Esta apresentação de “Hero” é simplesmente maravilhosa, a Mariah estava inspirada!

2015:

[youtube id=”P6-MKyqsi_k” align=”center” mode=”normal” maxwidth=”500″]

Este ano, Mariah começou a sua residência de shows em Las Vegas. Ela cumpriu o prometido, e cantou todos os seus clássicos em 1° no Hot 100 da Billboard (até mesmo aquelas músicas que ela não gostava). “I Don’t Wanna Cry” era um dos momentos mais esperados por todos os Lambs, e Mariah fez bonito e arrasou na apresentação.

Mariah Carey está voltando para a Sony Music para trabalhar na Epic Records. De acordo com o portal Showbiz411, o contrato dela com o selo da Universal Music, a DefJam Records chegou ao fim. Seu último álbum lançado em maio do ano passado,“Me. I Am Mariah” não foi muito bem nas paradas, vendeu cerca de 250 mil cópias. A cantora indescritível nunca mais igualou as vendas de seus grandes sucessos na DefJam, “The Emancipation of Mimi” e “E=MC2”. E todos os seus parceiros leais saíram de lá , começando por L.A. Reid, que era seu chefe  no selo.

Reid saiu da DefJam para ir para Epic, onde teve um início lento e irregular após participar do X-Factor norte-americano. Mas agora ele está no topo novamente com a estrela do momento, Meghan Trainor, sem mencionar Sara Barielles, Bonnie McKee, Fifth Harmony, A Great Big World, The Fray, e Kongos. Reid é o único no showbizz que poderia relançar Carey como uma estrela adulta – e não mais uma estrela do hip hop – e talvez seja a única pessoa que queira fazer isto agora.

E o mais importante, a Sony tem um grande incentivo. A maior parte do catálogo clássico de Mariah ainda esta lá, que são da época que ela estava com Tommy Mottola. O primeiro passo de Reid pode ser criar um disco de duetos de Mariah Carey, onde regravaria seus grandes sucessos como “Dreamlover” e “Vision of Love” com convidados, no estilo de Barbra Streisand. Uma fonte revelou: “Isto está em planejamento e deverá ser feito em breve.”

Outro sinal: Uma fofoca no Hits Daily Double deu entender que falaram mal dos excessos dele nos bastidores do show de uma grande estrela do pop. Carey fez concertos por uma semana em dezembro no Beacon Theater.

E não esquecendo que: Carey está prestes a assumir o lugar de outra estrela da Epic Records, Celine Dion no Caesars em Las Vegas. A cantora de Butterfly está pronta  para um ressurgimento. A única coisa que ainda precisa é um de um empresário. De alguém que ela realmente ouça conselhos. Ela passou na mão de vários empresários nos últimos anos.

Fonte: Showbiz411

Mc

Com as fracas vendas de seu novo álbum, Jermaine Dupri foi demitido – e agora, Kevin Liles parece que está no comando.

Parece que o álbum “Elusive Chanteuse” continua a dar trabalho para a estabilidade da carreira de Mariah Carey.

Mimi cortou relações de negócios com seu parceiro musical de longa data, Jermaine Dupri, que até então também era seu empresário, e ao que tudo indica está trabalhando com Kevin Liles, que era presidente da Def Jam durante a passagem da cantora pelo selo, pelo que a Billboard apurou. Fontes dizem que nada oficial está acertado com a empresa de Liles, a KWL, mas os dois têm trabalhado juntos desde o lançamento da nova bebida de Mariah, “Butterfly”.

“Eu boto mesmo a mão na massa quando se trata do meu trabalho”, disse Durpi à Billboard em um comunicado. “Dou tudo de mim em cada projeto. Mas quando não tenho permissão de fazer o que eu faço, então percebo que é hora de cair fora. Mariah e eu gostamos de trabalhar juntos e vamos continuar a fazer grandes músicas juntos no futuro”. Os representantes de Kevin Liles, Mariah Carey e da Def Jam não quiseram comentar o assunto.

A retomada de parceria com Liles é a mais recente de uma leva de troca de empresários que Mariah Carey fez nos últimos anos, que, só em 2013 demitiu Randy Jackson, Irving Azoff e Bruce Eskowitz.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.