Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

I Heart Radio

A primeira data da edição 2018 do iHeart Music Festival, em Las Vegas, numa T-Mobile Arena lotada, foi impactada por momentos animados e muita celebração como de costume. A noite marcou a volta de Jason Aldean, uma superestrela country, aos palcos da cidade – sua primeira performance por lá após o tiroteio que obrigou o cantor a interromper sua última apresentação em Vegas.

 

Apesar da falta de emoção nas primeiras horas do festival, logo tivemos “Emotions”, um climax precoce da performance de Mariah, que já está familiarizada com Vegas por conta da sua residência. Entretanto, familiaridade não quer dizer muito, visto que basicamente todos os artistas, apresentadores e espectadores que entrevistamos no backstage alegavam que estavam ansiosos pela performance de Mariah Carey, uma das últimas a se apresentarem na primeira noite.

Quando perguntamos ao vocalista do Panic! At the Disco, Brendan Urie, ele foi extremamente rápido em formular sua resposta: “Mariah! Eu quero beijar os pés dela enquanto ela caminha! Ela é uma deusa! Preciso ouvir novamente aqueles whistles!” 

Childish Gambino também marcou a noite, sem camisa e extremamente confiante, ele sequer guardou “This is America” para os momentos finais de sua apresentação.  Sam Smith havia ensaiado mais cedo para sua apresentação no primeiro dia do festival, mas devido a imprevistos, ele não compareceu ao show. Para fechar a noite, Kygo montou uma setlist cheia de DJs convidados e a participação especial de Miguel, mas sua apresentação já se encontrava como uma calmaria, visto que a multidão logo se reduziu para alguns poucos assim que Mariah deixou o palco.

Fonte: BCharts

O iHeartRadio Music Festival sempre faz uma mistura de gêneros musicais, esse ano não foi diferente, tivemos desde Mariah Carey, Rae Sremmurd e outros.

Mariah Carey entrou no palco usando um vestidinho azul bem sensual e fazendo um reportório bem festivo, ela abriu o concerto com sucesso “It’s Like That” , cantou o seu novo single, “GFTO”, o clássico “Emotions”, e um medley com “Honey”, “Shake It Off”, “Obsessed” e “#Beautiful”.

Após uma mudança de roupa para “GTFO”, Carey está agora em um novo mini-vestido brilhante coberto com um manto de lantejoulas brilhante. O verdadeiro deleite vem com as duas últimas músicas: “Always Be My Baby” e “We Belong Together”, que pode muito bem ser sua música tema de Vegas, já que Mimi e a Cidade do Pecado são uma combinação perfeita.

Fonte: Billboard

O IHeartRadio fez uma lista com as 12 mulheres que mudaram a música, confira ao Top 12 abaixo:

1.Beyoncé
2. Taylor Swift
3. Madonna
4. Ella Fitzgerald
5. Aretha Franklin
6. Mariah Carey
7. Kesha
8.Dolly Parton
9. Adele
10. Rihanna
11. Miley Cyrus
12. Ariana Grande

6. Como as divas que vieram antes dela, Mariah Carey ajudou a influenciar muitas das maiores superstars de hoje, incluindo Beyoncé e Ariana Grande. A sua gama vocal ímpar e impressionante é apenas uma de suas muitas qualidades. Mas há algo maior do que isso, Mariah ajudou a definir as tendências que são comuns na música hoje. Carey, uma cantora de pop, abraçou o hip hop bem no inicio de sua carreira, colocando rappers em muitas de suas músicas. Tudo isso começou em 1995, com o seu remix de “Fantasy” em parceira com Ol ‘Dirty Bastard, mais tarde apresentou ao mainstream os rappers Puff Daddy, Snoop Dogg, Jay-Z em várias de suas músicas.

Falando sobre músicas, Mariah também compõe todo o seu catálogo, abrindo um caminho para as mulheres tomassem conta da caneta e colocassem as suas ideias suas músicas no papel. Na verdade, Mariah Carey tornou-se a compositora com o maior número de canções em 1° lugar no Hot 100 da Billboard. E suas habilidades para composições são múltiplas, desde as músicas tradicionais aos clássicos natalinos, como a icônica “All I Want For Christmas Is You”.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.