Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

Robin Thicke

Recentemente, o mega hit “Blurred Lines”, do cantor Robin Thicke, que foi co-escrita e produzida por Pharrell Williams, perdeu um processo na justiça acusada de plágio pela família de Marvin Gaye.

Agora, o produtor e amigo de Mariah Carey, Jermaine Dupri, acusou o single “I Bet”, nova música da cantora Ciara, de ser muito parecida com o single “U Got It Bad”, lançado em 2001 pelo cantor Usher e produzido por ele.  Jermaine está querendo os créditos da música para ele e seus colaboradores. O fato é que muita gente está dizendo que Dupri só é “mais um cara falido” que está querendo ganhar dinheiro fácil.

A Ebony Magazine fez uma matéria discordando de tais acusações e falando da importância de Jermaine Dupri na indústria da música, citando inúmeros casos de sucesso do produtor e ressaltando que as pessoas deveriam ter mais respeito com ele. Obviamente, Mariah Carey foi citada como um dos cases de sucesso do currículo de Jermaine. Confira abaixo:

Mariah Carey:

As contribuições de Jermaine Dupri com a cantora começaram lá atrás, em 1995, com o hit “Always Be My Baby“, que desempenhou um papel enorme em ajudar a cantora multi-racial a tocar em um mercado “urbano”. Depois do colapso pós-Glitter, Dupri a ajudou a dar a volta por cima com o álbum “The Emancipation Of Mimi” (que faz 10 anos no próximo mês) e até ganhou um Grammy por ele.

Jermaine Dupri não só ajudou a criar o som de alguns artistas elogiados do R&B, Hip-Hop e do Pop, ele ajudou a cultivar o som de Atlanta e levou a complexidade do sul para as massas, quando artistas fora de Nova York e da Califórnia tinham que brigar por respeito para tocar nas rádios.

[youtube id=”LfRNRymrv9k” align=”center” mode=”normal” autoplay=”no”]

mariahrobin

Não está fácil para ninguém… Esta semana nos Estados Unidos a soma total dos discos vendidos deram 4,05 milhões, sendo a MENOR semana em vendas desde 1991, quando a SoundScan começou contabilizar as vendas em solos norte-americanos.

O novo 1° lugar entre os discos mais vendidos, o disco da cantora e compositora Sia, vendeu apenas 52 mil cópias. Este número é muito assustador para um disco que estreou direto em 1° lugar. A soma do Top 10 totalizou em APENAS 300 MIL CÓPIAS (Você não leu errado, somente 300 mil cópias).

O novo disco de Robin Thicke, “Paula”, vendeu somente 7,205 cópias em sua segunda semana de lançamento, totalizando em 30 mil cópias comercializadas por lá.  Robin teve o single de maior sucesso ano passado, a música Blurred Lines quebrou todos os recordes de execuções nas rádios norte-americanas em 2013. Mais recentemente, Mariah Carey e Jennifer Lopez também tiveram fracas vendas. Mariah Carey, que é aclamada por ser a cantora que mais vendeu disco na era SoundScan, vendeu apenas 100 mil cópias nos Estados Unidos de seu novo disco, “Me. I Am Mariah…The Elusive Chanteuse”. Depois de muita confusão na escolha de um single de trabalho para o disco, muitos atrasos em seu lançamento, a cantora parece não ter se manifestado para divulgar o projeto. Além de uma aparição no Today Show e um especial de TV, ambos na NBC, Mariah Carey esteve ausente em toda ação promocional realizada por este projeto.

Já Jennifer Lopez, ela esteve em todos os programas de TV nas últimas semanas, desde homenagem no Billboard Awards, bancada do American Idol e capas de importantes publicações semanais. Porém o novo disco da cantora e atriz também teve números poucos expressivos, vendendo pouco mais de 40 mil cópias nos Estados Unidos desde o seu lançamento.

Desde o começo do ano, as vendas de cds físicos e digitais caíram muito, somente os streamings (execuções em redes sociais) tiveram crescimento. Não tivemos nenhum grande lançamento em vendas no primeiro semestre de 2014, nenhuma grande música de verão este ano.

Voltando para Mariah e J-Lo. Esses álbuns deveriam ter gerado grandes hits. Mariah os tinha no CD, mas o que aconteceu? Outro álbum que também não produziu grandes hits foi o ARTPOP de Lady Gaga. Ainda acreditamos que o novo disco de jazz de Gaga em parceria com Tony Bennett irão elevar as vendas neste fim de ano.

Fonte: Billboard e ShowBiz

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.