Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

Como sempre, o Roger Friedman do site ShowBiz 411 pegou no pé de Mariah em sua nova publicação por lá.

Confira a tradução abaixo:

O último álbum de Mariah Carey está um verdadeiro desastre nos charts

Mariah Carey provou que é a cantora mais indescritível com seu último álbum, “Me. I Am Mariah, The Elusive Chanteuse”, que está um verdadeiro desastre.  Apesar das excelentes críticas, o disco está em 157° no iTunes e 75° no Amazon. Lançado no dia 27 de maio, apenas duas semanas atrás. Sobre as vendas, o disco já vendeu mais de 75 mil cópias nos Estados Unidos até domingo passado e provavelmente não vai muito além disto.

O fracasso do  “Me I Am Mariah” é uma lição para todos do mesmo grupo de idade e geração dela que ainda estão gravando e lançando música. Jennifer Lopez deve estar assistindo isto tudo com muito cuidado. Carey demorou cinco anos desde que lançou o seu último álbum, que também não foi um grande sucesso. O último disco de Mariah que fez muito sucesso foi o “The Emancipation Of Mimi” de 2005.

Mas o “Memoirs of an Imperfect Angel” (2009) não teve nenhum um grande sucesso, apenas estava sinalizando que Mariah não tinha mais idade para fazer sucesso nas rádios pop. “Memoirs” vendeu apenas 555 mil cópias nos Estados Unidos, um número bem distante dos seus discos anteriores.

Agora, Carey enfrenta uma crise com “Me I Am”, ao menos que a Def Jam tente ressuscitá-lo. Mariah precisa abandonar a sua imagem de Diva (incluindo andar no metrô com um vestido de baile super apertado).  Sua melhor aposta no momento é fazer um vídeo de sua regravação de One More Try, clássico de George Michael ou algo inteligente, fazendo uma própria parodia com Thirsty.

Deixe sua opinião

Este artigo não possui comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.