Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

430285202-1a5ee2r (1)

O primeiro show de sua turnê australiana é algo que você precisaria ver de perto, e os relatos do fim da carreira de Mariah Carey têm sido muito exagerados.

Apesar da escolha estranha de uma base de apoio de 1995 em seu número de abertura, Fantasy, a cantora mostrou que estava em boa forma vocal em seu concerto em Perth, que marca o seu retorno à cidade desde 1998.

Apesar da chuva monstruosa que caía no palco, Carey estava sorridente e muito elétrica o palco. Entrando em cena às 20:30, meia hora atrasada, ela foi obrigada a  desligar o som às 22h, por motivos contratuais – a veterana diva levou a multidão a loucura com a sua interpretação do hit de 2008, Touch My Body, onde os fãs tiveram a chance de finalmente ouvir a poderosa voz da cantora em um ótimo desempenho.

Ela tem provado também que tem um senso de humor único enquanto ajudava a limpar o palco molhado. Então ela começou a cantarolar No More Tears de Donna Summer e Barba Streisand, fazendo referência ao seu casamento fracassado com Nick Cannon.

“Está chovendo,está trans­bor­dando, a minha vida amorosa é muito chata para eu chorar, depois de todos estes anos”

Às vezes era difícil saber se ela estava brincando ou se ela estava  fazendo jus a sua reputação de diva, especialmente quando ela brigou o com o rapaz da iluminação por colocar um holofote sobre ela quando ainda estava  bebendo um copo de água:

“Qual é a razão de você jogar a luz em cima de mim quando estou bebendo a minha água, queridinho?” – disse ela dando uma bronca de leve, após isto o refletor foi desligado.

Carey realmente acertou em cheio quando fez um versão extramente fiel e otimista de seu hit de 1991, Emotions, finalmente vimos ela exibir o seu registro de apito para delírio da multidão que estava lá.

Após a primeira de várias ausências longas do palco, onde os backing vocals da cantora fizeram um grande número, ela retornou ao palco usando um vestido bem grudado. Carey finalmente ficou séria antes de cantar Cry., e depois exibiu sua voz mais uma vez sua voz ao cantar Lullaby of Birdland de Ella Fitzgerald. Ela brincou dizendo que teve que ser ajudada ao subir piano por causa da recente lesão que ela sofreu no ombro ano passado, e em seguida ela cantou Fly Like A Bird, que foi grande destaque vocal da noite.

Mas, mesmo quando show ainda estava na metade, Carey disse à multidão que eles tinham que escolher qual bloco deveria ser cortado, pois ela tinha um contrato rigoroso a seguir e não poderia ultrapassar o horário.

Então, ela seguiu o pedido e continuou ao show, em seguida cantou Hero, que motivou os seus fãs fanáticos, conhecidos como seus “Lambily” a cantarem a música junto com ela. Depois disto, ela cantou seu hit monstrouso de 2005, We Belong Together e encerrou ao show exatamente às 22:00.

Apesar de visivelmente ter tido o bis cortado, não há como negar o porque a incrível voz dela a transformou na artista que mais vendeu na história.

Fonte: The West Australian 

Deixe sua opinião

Este artigo não possui comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.