Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

O Hollywood Reporter fez um review sobre a terceira noite de apresentação de “All I Want For Christmas Is You: A Night Of Joy And Festivity”, show natalino que Mariah Carey está fazendo no Beacon Theatre, em Nova York. Confira abaixo:

Poucos artistas se aventuram – e fazem sucesso – no Natal como Mariah Carey. Apesar de seus últimos lançamentos não terem feito tanto barulho, a cada mês de Dezembro, ela recupera com segurança o topo dos charts de Natal com o clássico original, “All I Want For Christmas Is You”. A canção foi lançada há 2o anos e já ficou 14 semanas em primeiro lugar – e os números só crescem – na parada Natalina da Billboard Holiday Songs.

É uma oportunidade que realmente vale a pena – e Mariah sabe bem como fazer, com seis shows lotados no Beacon Theatre, em Nova York. No palco uma cortina vermelha cobre o cenário, com lantejoulas, flocos de neve e um “MC” todo iluminado no topo. Com um set de 85 minutos, Mariah canta músicas de seus dois álbuns de Natal, “Merry Christmas” e “Merry Christmas II You”, além de algumas canções não-natalinas. Mariah nos presenteou com todas (todas mesmo!) notas altas em suas canções de Natal favoritas, deixando a platéia com ‘vontade de quero mais’.

Embora os shows estejam acontecendo há apenas duas semanas de sua performance televisionada da iluminação da árvore de Natal de Rockefeller Center, que foi bastante questionada, os fãs correram para a porta do Beacon Theatre no terceiro dia de show, na quinta-feira. Depois de um pequeno número de ballet, Mariah surge em frente à árvore de Natal com uns flocos de neve gigantes, vestindo um dos seus três trajes da noite, com grandes decotes, e poderosamente começou a cantar a primeira das 14 músicas apresentadas na noite, com as notas certas – as mesmas de 2 décadas atrás. A platéia vibrava a cada nota difícil que ela atingia, enquanto sua mão direita, vestida com uma luva que deixava seus dedos à mostra, mapeava cada nota, com a outra mão na orelha, ou correndo de um lado para ourto do palco com ajuda de um dos dançarinos.

Durante a troca de roupa de Mariah Carey, o público era entretido com números de dança ou apresentações de seus backing vocals. O palco tinha muitas atrações ao mesmo tempo, como acrobatas, dançarinos e até um coral, assim como personagens típicos do Natal, como o “Boneco de Neve”, “Papai Noel” e “Renas”. Algumas músicas de introdução ficaram despercebidas se comparadas aos diálogos hilários de Mariah com a platéia e sua alegria. Debbie Allen subiu ao palco para falar sobre Mariah e seus recordes nos charts e, durante uma conversa sobre o Natal, Mariah perguntou a uma das crianças para “ela demonstrar o que eles faziam nos ensaios”.

Sejam quais forem os mínimos erros que ocorreram durante o show, eles foram rapidamente esquecidos assim que Mariah começou a cantar uma das faixas mais amadas de seu primeiro álbum de Natal. Ela brilhou acompanhada de um coral cantando “Silent Night” e “Joy To The World” e arrasou nas notas altas em “O Holy Night”. E embora ela tenha começado a cantar de forma cômica as primeiras frases de “Heartbreaker”“Opa! Esse é o show errado!”, ela riu.  Mariah disse à platéia que alguém a instruiu, “Mimi, se liberte, cante uma ou duas músicas das antigas”, e ela o fez: “Emotions”, “We Belong Together” e “Hero”. Claro que ela encerrou o show com “All I want For Christmas Is You”, com todos os dançarinos no palco, muito papel picado e neve falsa. Porque, além das festas de fim de ano, dominar os charts por 14 semanas (de 18, no total), e lembrar as pessoas que você não esqueceu quase nada nos últimos 20 anos, esses são definitivamente motivos de sobra para celebração.

Deixe sua opinião

Este artigo não possui comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.