Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

Mariah Carey diz que não deve um centavo para a babá que está processando ela por forçá-la a trabalhar 100 horas por semana, sem horas extras. Simonette DaCosta disse que ela trabalhou pra Carey e seu ex-marido, Nick Cannon, de outubro de 2013 à fevereiro de 2014.

“Simonette ficava de plantão durante 24 horas, todos os dias da semana, sem direito a pausas para as refeições, e até mesmo para dormir. Na verdade, a senhora Carey costumava chama-la no meio da noite e exigia que fosse levada até seus filhos ou para ser atualizada sobre o estado deles”, diz o processo, que foi arquivado no início deste ano.

Em documentos apresentados nesta semana no Manhattan Tribunal Federal, os advogados de Carey e Cannon reconheceram que DaCosta trabalhava longas horas, mas alegaram que eles pagaram a ela tudo o que era devido, e que o processo deve ser retirado.

Se DaCosta não recebeu tudo o que ela tinha direito, as estrelas dizem, “foi porque ela não informou a seus supervisores sobre todas as horas trabalhadas”. Quanto à alegação de DaCosta de que Carey a demitiu porque seus filhos ficaram muito apegados à ela, os advogados se esquivaram. Os documentos dizem “falta de informação ou conhecimento suficiente” para responder à acusação.

O advogado de DaCosta não retornou a ligação para comentar o assunto. O arquivamento do processo contra Carey e Cannon, que foi relatado pela primeira vez pelo blog thejasminebrand.com, apareceu uma semana após Carey ter liquidado uma ação movida por uma outra funcionária que estava acusando a diva de ter feito ela trabalhar de 10 a 16 horas por dia. Os termos do acordo são confidenciais.

Deixe sua opinião

Este artigo não possui comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.