Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

Empresas que vendiam os ingressos precisam apresentar suas defesas ao órgão hoje

Após a turnê sulamericana de Mariah Carey ser cancelada, o Procon-SP notificou os organizadores dos shows da cantora. O órgão quer identificar as causas da suspensão e ver qual orientação as produtoras oferecem para o reembolso do ingresso.

As empresas Stage Entertainment, Lens Events e Ingresso Rápido precisam apresentar suas defesas nesta segunda-feira (31). Se o Procon-SP não aceitar a justificativa, poderá multá-las.

Para o órgão, a decisão gerou prejuízos a fãs que tiveram despesas com compra de passagens e reservas de hospedagem não reembolsáveis. As empresas informaram que irão responder à notificação no prazo determinado.

Mariah Carey anunciou em sua conta oficial de Twitter a suspensão de suas apresentações. A cantora acusa os promotores dos shows de serem negligentes com os fãs latinos.

“Informo a todos meus seguidores na América do Sul que estou devastada por esta parte da minha turnê ter que ser cancelada. Agradeço a todos por toda excitação e amor. Espero ver vocês em breve, meus queridos”, comentou a compositora.

Veja o comunicado na íntegra:

A Fundação Procon-SP, órgão vinculado à Secretária de Justiça e Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo, notificou as empresas Lens Events, Stage Events e Ingresso Rápido pelo cancelamento do show da cantora Mariah Carey programado para o Brasil.

Na notificação o Procon-SP solicitou que as empresas devem prestar os seguintes esclarecimentos: Informar e comprovar os motivos pelos quais o show foi cancelado, quais os meios de divulgação sobre o cancelamento do show foram utilizados, as opções que eram dadas aos consumidores em razão do cancelamento do evento, especialmente o reembolso e quais os canais disponíveis para atendimento aos consumidores atingidos pelo cancelamento do evento.

As notificações foram encaminhadas às empresas que terão direito à defesa. Sendo contatadas as irregularidades ao fim do processo as empresas poderão ser multadas.

Fonte: R7

Deixe sua opinião

Este artigo não possui comentários

IMG_3709.jpeg
heartbreaker.jpg
IMG_3680.jpeg
IMG_3641.jpeg
IMG_3642.jpeg
344BDA56-1C2B-4C54-92BF-B671ED08906F.jpeg
E0000A7C-B0BD-4347-9EA1-AB2D21146DF5.jpeg
IMG_3372~0.jpeg
IMG_2973.jpeg
9DE518D4-8F92-4FE3-B914-DBA9BF2FCC81.jpeg
IMG_3119.jpeg
E0BA3E6B-0938-4560-9EE9-5628E11786EB.jpeg
mc-mainban.jpg
MAPA_MARIAH_1080x1080.png
612F932F-C378-44E6-AE2A-9F048D214AC7.jpeg
047561D9-1827-41C1-A378-A12A30362154.jpeg