Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

Alison Carey, irmã problemática de Mariah Carey, move um novo processo contra a cantora. Alison alega que sofreu angústia emocional com as declarações de Mariah sobre ela em seu livro, ‘The Meaning of Mariah’, lançado em 2020. Alison está processando a Mariah em pelo menos US$ 1,25 milhão (cerca de R$ 6,7 milhões).

Alison afirma em documentos obtidos pelo TMZ que Mariah não apresentou nenhuma evidência que corrobore com as acusações de abuso em seu livro de 2020, “The Meaning of Mariah“. De acordo com o processo, a autobiografia de Mariah alega que Allison “deu Valium a ela, tentou vendê-la a um cafetão e jogou uma xícara de chá fervente nela, causando queimaduras de terceiro grau” quando Mariah tinha 12 anos. Alison contesta essas acusações e afirma que Mariah não tem qualquer evidência disso.

Fonte: Revista Monet | TMZ

Deixe sua opinião

Este artigo não possui comentários
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.