Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

Nova York

Neste último domingo, dia 17 de dezembro, Mariah Carey finalizou sua turnê Merry Christmas One And All! com uma segunda e última parada na cidade de Nova York, nos Estados Unidos. Mimi subiu ao palco pela décima sexta vez nesta temporada e garantiu ao Madison Square Garden um show de vocais e até uma surpresa para despedir-se, mas somente por este ano. O ato de abertura do show ficou por conta do DJ Suss One que foi o grande parceiro de Carey pelas apresentações.

 

O Show

 

A noite começou com a entrada de bailarinos correndo com caixas de presentes em suas mãos ao som de Overture e elementos de All I Want For Christmas Is You, com duas grandes caixas de presentes brancas, uma em cada lado no centro do palco de onde duas bailarinas saem ao som de Sugar Plum Fairy, uma em cada, Mariah surgiu de baixo para cima, sendo elevada rodeada de fumaças brancas, emitindo seus whistles e vestida com um figurino vermelho e longo. Os bailarinos saíram do palco e ela cumprimentou todo o público com o “It’s Time!” e seguiu para o hino de Hark! The Herold Angels Sing/Gloria (In Excelsis Deo).

 

 

 

Em seguida Mariah cantou a música Oh Santa! e na sequência a Christmas (Baby Please Come Home) com seus bailarinos a cortejando durante a performance, seguindo para When Christmas Comes e seu primeiro Diva Moment do show com retoques de maquiagem e fixação dos cabelos com o Glam Squad.

 

 

Logo ela iniciou a música Sleigh Ride com a volta de seus bailarinos ao palco e na sequência chamou pelo Papai Noel com Here Comes Santa Claus (Right Down Santa Claus Lane), distribuindo presentes para o público com um rap de seu filho Rocky. Saindo do palco para a troca de figurino, sua filha Miss Monroe cantou Christmas Wrapping e Rocky assumiu a bateria. Na sequência um interlúdio de Fall In Love At Christmas cantada pelo coral.

 

 

 

Mariah retorna ao palco ao som de Silent Night entoando o hino com o seu coral antes de seguir para um dueto especial com sua filha Miss Monroe com a canção Jesus Born In This Day. Logo ela cantou One Child e seguiu para a apresentação de sua banda. Em seguida performou a música Joy To The World e saiu do palco para uma troca de figurino até que retornou e subiu ao púlpito da banda para cantar Christmas Time Is In The Air Again, quando saiu do palco novamente para a mudança de ato e troca de figurino.

 

 

Com a parte final do interlúdio de My All em sua versão gospel, Mariah retornou ao palco com um novo figurino, um vestido em prata. Assim como na primeira noite em Nova York (no dia 09/12), Carey levou convidados para o seu último ato, mas desta vez não foram para uma música natalina. Ela surpreendeu a todos ao chamar ao palco Busta Rhymes e Spliff Star para uma performance comemorativa de 20 anos de I Know What You Want, levando o público aos gritos.

 

 

 

Em seguida Mariah cantou o medley com seus sucessos não-natalinos, começando por Always Be My Baby, emendado por Dreamlover, e um mashup de Honey com Heartbreaker, seguindo para A No No, It’s A Wrap e finalizando com Emotions, Make It Happen e Fly Like a Bird.

Uma pausa para o segundo Diva Moment e seu Glam Squad, mas rapidamente Mimi cantou o sucesso We Belong Together e fechou a parte de músicas não-natalinas com Hero.

 

 

Em seguida tocou um interlúdio com Santa Claus Is Coming To Town (Remix) no telão com as imagens de seus filhos em momentos diversos e depois o instrumental no piano pelo seu Direto Musical Daniel Moore, tendo o público como vocalista até o retorno de Mariah Carey com o momento mais esperado do show com a música All I Want For Christmas Is You a bordo de um trenzinho, por onde ela também saiu com seus bailarinos e seus filhos enquanto a neve caia por toda a arena, fechando a noite em Nova York, agradecendo a todos pela turnê e se despedindo do público desejando um feliz natal.

 

 

Set-list

 

ACT I
Overture (with elements from All I Want For Christmas Is You)
1 – Sugar Plum Fairy (Introlude)
2 – Hark! The Herold Angels Sing/Gloria (In Excelsis Deo)
Santa Claus Is Coming To Town (Intro)
3 – Oh Santa!
4 – Christmas (Baby Please Come Home)
5 – When Christmas Comes
Diva Moment
6 – Sleigh Ride
7 – Here Comes Santa Claus (Right Down Santa Claus Lane) (feat. Rocky)
8 – Christmas Wrapping (by Miss Monroe and Rocky)
Fall In Love At Christmas (Interlude)

ACT II
9 – Silent Night
10 – Jesus Born In This Day (feat. Miss Monroe)
11 – One Child
Band Introductions
12 – Joy To The World (with elements from the Celebration Mix)
13 – Christmas Time Is In The Air Again
14 – My All (New gospel remix with Christmas lyrics, performed by the choir and background singers with Mariah in the end)

ACT III
15 – I Know What You Want (with Busta Rhymes & Spliff Star)
16 – 2023 MC Hit List: Always Be My Baby/Dreamlover/Honey/Heartbreaker (with Da Brat)/A No No/It’s A Wrap/Emotions/Make It Happen/Fly Like a Bird
Diva Moment
17 – We Belong Together (with elements from Mimi’s Late Night Valentine’s Mix)
18 – Hero
Hero (Reprise)
Santa Claus Is Comin’ To Town (Remix) Interlude

ENCORE
19 – All I Want For Christmas Is You
All I Want For Christmas Is You (Reprise)

 

 

Mariah Carey com os filhos e bailarinos em All I Want For Christmas Is You.

 

O que vem por aí?

 

Mariah Carey finalizou sua turnê natalina e segue para suas férias, mas mesmo assim ela continua em dia com sua agenda que você pode acompanhar clicando aqui!

Mariah Carey estava incrível ao parecer no Songwriters Hall of Fame’s 49th Annual Induction and Awards  para homenagear o seu fiel colaborador,  Jermaine Dupri. A cantora de 48 anos vestia um vestido preto de mangas compridas com um decote em V. A cantora Emotions completou seu conjunto de luxo com grandes brincos de argola e um anel de diamante.

Carey saudou Dupri, de 45 anos, quando ela o introduziu no grupo durante a cerimônia no Marriott Marquis Hotel, em Nova York. “Jermaine faz isso com … amor verdadeiro pela música”, disse a artista vencedora do Grammy ao induzir Dupri, com quem ela trabalhou em sucessos como Don’t Forget About Us, Always Be My Baby e We Belong Together. que ganhou o Grammy de Melhor Canção de R&B em 2006.

Carey lembro como Dupri, apesar de seu sucesso, “não mudou desde a primeira vez  que entramos no estúdio juntos”, e é “ainda a mesma pessoa”. “Ele ainda tem a paixão dentro dele”, ela disse, “e isso é algo que eu tenho que elogiá-lo.”

Carey, que escreveu 17 de seus 18 famosos singles que chegaram ao topo das paradas, foi indicada ao Songwriters Hall of Fame ano passado, mas não ficou entre os premiados finais.  Os compositores devem ter pelo menos 20 anos de créditos para serem elegíveis para a honrada honra.

Carey e Dupri têm trabalhado juntos ao longos dos anos, ele foi atuou como empresário da cantora entre 2013 e 2014, na divulgação do álbum Me. Iam Mariah…O Elusive Chanteuse. Porém, ele logo foi demitido porMariah.

Depois de sua despedida, ele disse à Billboard: “Eu sou uma pessoa muito prática quando se trata do meu trabalho. Eu coloco tudo em todos os projetos. Mas quando não tenho permissão para fazer o que faço, então eu sei que é tempo para eu seguir em frente. Mariah e eu gostamos de trabalhar juntos e continuaremos a fazer boa música juntos no futuro “.

  • Confira fotos desse evento em nossa galeria!

Fonte: Daily Mail

No meio de uma agitação política e cultural, algumas coisas permanece constante. Felizmente para audiência do Madison Square Garden na noite do último sábado, dia 19, os tronos, brilhos, bolas de discoteca e o bom R&B estão entre eles.

Com as ferramentas de destaque, Lionel Richie e Mariah Carey trouxeram uma dose relativamente incontrolada para o escapismo dos problemas no mundo com uma arena lotada, um local onde ambos há fizeram vários shows nas últimas décadas, durante o concerto de Lionel ele lembrou de sua primeira vez na arena,  quando era do The Commoderes e abria os shows do Jackson 5 n verão de 1971. Quarenta e seis anos depois, o seu grito de “Yow” (acho que durante a “Brick House”) só ficou mais enfático, e com certeza ficaram faltando muitos hits no número de Mariah Carey.

Este é o problema de ver a Mariah Carey, mesmo que você não seja um membro da Lambily, ela simplesmente têm muitos hits para encaixar em uma setlist de um show (ela ainda é a pessoa com mais canções em 1° lugar no Hot 100 – 18, um recorde para um artista solo). E, então, algumas de suas canções favoritas de Mariah inevitavelmente serão deixadas de fora.

Neste abreviado set (sim, ela cantou 13 músicas e isto é uma abreviação para seu catalogo de 14 álbuns de estúdio), Carey não cantou clássicos como “Emotions”, “Fantasy”, e até mesmo o seu mais recente single (a faixa subestimada ‘I Don’t’, em parceria com YG), porém faixas consideradas obscuras do seu álbum E=MC2 , “Heat” e “I’m That Chick”, estiveram lá na seleção de músicas para seus verdadeiros fãs.

Parecia que sua missão era provar a qualquer pessoa que estava duvidando que ela ainda pode arrasar com seu alcance vocal. O lendário registro de assobio apareceu durante a segunda música do show, ela fez uma interpretação perfeita para o clássico “Heartbreaker”, que começou com a versão remix, que tem a participação de Missy Elliott e Da Brat, e terminou o número com a versão normal. Mariah, mostrou que é uma diva de verdade quando estava sendo carregada por seus bailarinos e quando estava sentada em seu trono dourado no meio do palco (não, não, não era uma cadeira, era um trono de verdade!). O gênero que definiu o status de diva de Mariah, as baladas, sempre foram o ponto alto, como foi em “One Sweet Day”, onde ela derramou uma lágrima, “My All”, “Vision Of Love”, “We Belong Together” e “Hero”.

Foi uma exibição tipicamente extraordinária, quando você é Mariah Carey, extraordinário é o seu padrão natural, mas me deixou umas perguntas no ar durante o concerto, como é que a cantora vai consolidar o seu legado muito esmagador nos próximos anos. No momento, a cantora estava ao vivo em um espaço intermediário: grande o suficiente para recordar o maior auge de sua vida, mas ocasionalmente é tão grande que a briga entre a Mariah Carey maior cantora de todos os tempos contra a Mariah Carey a maior compositora de hits dos últimos anos estava em uma grande batalha e pareciam se perder. A sua banda, seus backing vocals, as faixas de apoio e a voz extraordinária de Mariah Carey cantada ao vivo facilmente preenchem uma arena (e provavelmente um estádio) sozinhos.

Neste momento de sua carreira, Carey não deveria ter que provar mais nada, nem para seus fãs e nem para o público em geral, em vez disso, ela deveria estar saboreando a sua obra prima e se divertindo com estas cantoras menores que lhe imitam. Um MTV Unplugged de Mariah Carey, mesmo em 2017, seria algo maravilhoso.

Fonte: Billboard

Com um sapato Louboutin de enorme salto, a cantora se desequilibrou, tropeçou e quase caiu, mas foi segurada por seus guarda-costas

Mariah Carey escolheu um poderoso vestido justo de paetês e estampa de tigre para arrasar em programa de TV, mas quase pagou o maior mico na porta dos estúdios da NBC. em Nova York, nesta segunda-feira (16). Com um sapato Louboutin de enorme salto, ela se desequilibrou, tropeçou e quase caiu. Sorte que ela estava escoltada por seguranças, que rapidamente a seguraram.

A cantora esteve no estúdio para promover seu novo reality show, Mariah´s World (mundo de Mariah), no qual ela vai mostrar os bastidores de seus shows em Las Vegas e como balanceia a vida de diva com a de mãe dos gêmeos Monroe e Moroccan, de 4 anos, além dos preparativos para o casamento com o empresário bilionário James Packer.

Fonte: Revista Quem!

A5635D74-C732-439E-93F2-225B46017B0D.jpeg
B4C5FEB9-72FF-4384-AEDF-DF0562C173AE.jpeg
IMG_6957.jpeg
IMG_6958.jpeg
IMG_6959.jpeg
IMG_6963.jpeg
IMG_6997.jpeg
IMG_6962.jpeg
mc_281029~23.jpg
mc_28829~29.jpg
mc_28929~24.jpg
mc_28729~35.jpg
mc_28529~41.jpg
mc_28629~36.jpg
mc_28429~42.jpg
mc_28129~45.jpg