Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

Rock and Roll Hall of Fame

Pela primeira vez desde 2011, nenhum artista será introduzido ao Rock And Roll Hall Of Fame em seu primeiro ano de elegibilidade durante a nomeação que aconteceu nesta quinta-feira, dia 8, nenhum artista com 25 anos de carreira foi nomeado, mas isto não surpreendente. Os últimos quatro artistas que conseguiram isto foram Green Day, Nirvana, Public Enemy e Guns N ‘Roses. Alguns anos antes deles, Run DMC, Madonna e R.E.M., também conseguiram a nomeação em seu primeiro ano de elegibilidade.

A lista de atos recém elegíveis este ano inclui Mariah Carey, Smashing Pumpkins e Blur. Todos eles são grandes artistas e possuem um grande reconhecimento e legado, mas não para conseguirem uma nomeação em seu primeiro ano elegível no disputado ‘Salão da Fama’. Mesmo assim, o impacto de Mariah Carey realmente movimentou demais a cédula este ano, apesar de muitas questões virem a toa, como: ‘Como Mariah Carey pode ser nomeada antes de Janet Jackson? Smashing Pumpkins pode realmente se introduzido antes de Deep Purple ou Cheap Trick? Ou até mesmo, como Blur pode ter uma nomeação e os The Smiths não?

No caso de Mariah Carey em específico, obriga a comissão a dar uma olhada em divas do R&B que já poderiam ter sido elegíveis anos antes, como Janet Jackson e Chaka Khan, além de Whitney Houston, que também poderia estar na lista este ano. Já The Smiths, eles já estão esperando por esta nomeação há 2 anos, se o Blur merecia uma nomeação este ano, provavelmente os caras do ‘The Smiths’ passaram merecidamente a perna neles.

Outros artistas que se tornam elegíveis para serem nomeados pela primeira vez em 2015 foram o Hole, Alice in Chains, Ice Cube e Kid Rock. Existe também uma enorme lista de artistas do anos 70 e 80 que demoraram um longo tempo para finalmente receber uma nomeação (alguns nunca receberam). Sendo assim, a candidatura de um artista tem que ser após seus influenciadores, sem neglicenciar nenhum artista que ficou elegível em anos anteriores.

Fonte: Cleveland.com

Nesta quinta-feira, dia 8, a comissão de indicação anunciará os artistas que serão indicados para o ‘Rock and Roll Hall of Fame’. Os candidatos serão introduzidos no salão da fama em abril de 2016.

Ainda não se sabe quem fará a cédula, porém a lista dos atos elegíveis deste ano está bem diversificada. Incluindo as bandas Blur, Smashing Pumpkins, A Tribe Called Quest, Ice Cube e a diva Mariah Carey.

Os artistas precisam ter 25 anos ter carreira para poderem ser elegíveis para nomeação. Artistas como Pearl Jam ou Tupac Shakur só poderão ser elegíveis na cerimônia de 2017.

Diferente dos anos anteriores, que tinham na lista de indicados bandas como Green Day e Nirvana, ainda não há um coisa concreta para cerimônia de 2016. A leitura da cédula nesta quinta-feira será muito interessante.

Fonte: Cleveland.com

Com a comemoração dos 25 anos de carreira de Mariah Carey, a diva já pode – e deverá ser indicada ao Rock And Roll Hall Of Fame esse ano. Mas já adiantamos: não será nada fácil. Entenda abaixo o processo de indicação e quais as dificuldades Mimi deve encarar para conseguir ser empossada.

MC4

Artistas como Janet Jackson, Mariah Carey, Trent Reznor e Johnny Rotten, dos Sex Pistols têm enfrentado oposição dos eleitores conservadores do Rock Hall.

A comissão de indicação para Rock and Roll Hall Of Fame se reúne em Nova York no mês de setembro para decidir quais os artistas eles vão colocar na cédula da eleição de cada ano. Os membros da comissão – músicos de sucesso, executivos de gravadoras, escritores e historiadores – se mantem cordiais uns com os outros mesmo quando discordam.

Artistas se tornam elegíveis para nomeação, 25 anos após a sua primeira gravação, o que significa que a Câmara irá agora começar a considerar os artistas dos anos 90, uma época em que o rock tradicional praticamente desapareceu, e a música se fragmentou em sub-gêneros. Dos pioneiros importantes como The Stooges (empossado em sua oitava nomeação) e os Sex Pistols (que falharam em suas primeiras cinco cédulas) encontraram dificuldades para ser empossados, imagina o quão difícil será para Mariah Carey, Janet Jackson e outras estrelas Pop recentes? “Foi bastante fácil no início”, diz Jann Wenner, de 69 anos, presidente e fundador da Rock Hall Foundation, redator e editor da revista Rolling Stone. “Mas neste momento, todas as pessoas óbvias foram empossadas, o que se resume a gosto pessoal”.

Atualmente, 41 VIPs compõem o comitê de nomeação. Durante as reuniões, cada um pode propor até três atos. Depois de muita discussão, os membros votam secretamente em 10 favoritos. Os 15 atos com a maioria dos votos são colocados em outra cédula, que é enviado para um painel maior de eleitores – na última contagem, ficam em torno de 810 votos, incluindo todos os membros do Hall. As cédulas são devolvidos e contadas. Os sete atos com a maioria dos votos são realizados, o Conselho de Administração tem o poder de eliminar nomes com o mínimo de apoio.

Atualmente, há seis mulheres e sete pessoas de cor entre os 41 membros, o que gera muita discussão e crítica. Na última década, “nós fizemos um esforço consciente para diversificá-la”, diz Wenner. Em 2006, vários fiéis foram destronados: “Fui demitido por ser muito velho. Isso é o que me foi dito”, diz um deles. (Wenner responde que quem foi expulso “não estava sendo útil”).

Será que o conservadorismo do comitê irá torcer o nariz para a indicação de Mimi esse ano?

Vamos aguardar…

Fonte: Billboard

Você deve saber que “We Belong Together” fala sobre uma separação, e se você prestar atenção na letra, logo após o primeiro refrão, perceberá que Mariah cita o nome do cantor Bobby Womack e uma de suas mais lindas canções, “If You Think Your Lonely Now”, para descrever seu momento deprimente enquanto pensa no seu amor. Mas por que falar dele logo hoje?

Ontem (27/06), aos 70 anos, Bobby nos deixou. Dono de uma ousadia musical incrível, ele teve o início de sua carreira nos anos 60 e por mais de 40 anos brilhou nas rádios, nos palcos e nas composições por meio de sua voz e do seu talento como músico. Ele foi vocalista da banda The Valentinos que era da sua família, foi guitarrista do cantor Sam Cooke e transitou durante toda a sua vida por vários estilos, indo do R&B para o gospel, soul, country e funk.

Bobby Womack (70)

Bobby Womack (70)

Em 2009 Bobby foi introduzido ao Rock and Roll Hall of Fame que é um museu e uma instituição na cidade de Cleveland, nos EUA que registra a história de alguns dos mais conhecidos e influentes artistas, produtores e grandes nomes da indústria do rock e do pop.

A causa da morte de Bobby ainda é desconhecida e não foi informada pela XL Recordings que era a sua gravadora. Ele já havia sido hospitalizado por muito tempo em decorrência de um câncer e chegou a ficar em estado de coma, porém se recuperou e voltou aos palcos. “The Best Is Yet To Come”, seu novo álbum, tinha lançamento para este ano, mas sem data definida. Em homenagem ao seu grande talento e importância para a música, dedicamos “We Belong Together” da nossa diva, Mariah Carey e deixamos também um vídeo de “If You Think Your Lonely Now” ao vivo para que você conheça (ou se lembre) de como Womack era nos palcos.

[youtube id=”0habxsuXW4g” align=”center” mode=”normal” autoplay=”no”]
[youtube id=”ERu7Y365CIA” align=”center” mode=”normal” autoplay=”no”]

 

R.I.P. (Descanse em paz), Bobby!

IMG_6957.jpeg
IMG_6958.jpeg
IMG_6959.jpeg
IMG_6963.jpeg
IMG_6997.jpeg
IMG_6962.jpeg
mc_281029~23.jpg
mc_28829~29.jpg
mc_28929~24.jpg
mc_28729~35.jpg
mc_28529~41.jpg
mc_28629~36.jpg
mc_28429~42.jpg
mc_28129~45.jpg
mc_28329~41.jpg
mc_28229~44.jpg