Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

Mariah Carey Season ™ ️ está oficialmente em pleno andamento, e este ano, a cantora e compositora ganhadora do Grammy está de volta com mais um especial festivo para lembrar a todos nós que ela ainda é a Rainha do Natal!

Embora sua tarifa de festas seja uma parte essencial da temporada de Natal, especialmente seu clássico no topo das paradas e que fez história “All I Want For Christmas Is You”, se tornando o seu 19° hit no topo da Billboard Hot 100(mais do que qualquer artista solo) e 200 milhões de discos vendidos em todo o mundo, não podemos deixar que ninguém esqueça que Mariah também é uma das artistas mais icônicas e bem-sucedidas de todos os tempos.

O Out teve a chance de falar com a própria lenda para conversar sobre como manter as festividades acontecendo com seu último especial de Natal, seu novo romance romântico “Fall in Love at Christmas”, o próximo 25º aniversário de seu inovador álbum Butterfly, seu legado como ícone para muitas pessoas LGBT+ e muito mais!

“Eu amo ter uma conexão com qualquer pessoa que queira ter essa conexão comigo”, Mariah disse a Out quando questionada sobre o amor de longa data que sua base de fãs gays tinha por ela ao longo de sua longa e ilustre carreira. “Acho que é isso que todos nós sentimos. Para mim, é o que todos sentem uns com os outros, quando você se conecta com alguém.”

Ela continuou: “Eu sempre fui outra, sempre fui diferente, nunca senti que me encaixava. Eu sempre meio que entendi: ‘Ok, as pessoas são diferentes e não podemos julgar isso, não podemos julgar aquilo,’ mas não sei se todas as outras pessoas com quem cresci se sentiram da mesma maneira. Então, adoro sentir a aceitação, sentir o amor, sentir-me abraçada e quero retribuir. Isso é o que é mais importante para mim, aceitar as pessoas pelo que você é. “

Fonte: OUT

Deixe sua opinião

Este artigo não possui comentários

20220805_190404.jpg
MC_28529~112.jpg
MC_28429~117.jpg
MC_28629~109.jpg
MC_28229~127.jpg
MC_28129~128.jpg
MC_28329~121.jpg
NYC.png
295916664_183306274071830_3744212404382977766_n.jpg
297076084_1500179553785709_8016141502334866277_n.jpg
296175487_344806401198858_6252200989467135460_n.jpg
296215472_191755339874253_7921355081659377295_n.jpg
296692825_1770497879965419_4232707895195380203_n.jpg
296243756_3355175478047855_2485133335733437129_n.jpg
FB_IMG_1658974328328.jpg
295548036_430985445608728_7585866555368472491_n.jpg