Mariah Now é a sua maior fonte brasileira sobre a Mariah Carey. O site é totalmente dedicado para os fãs da Mariah. Acompanhe notícias, vídeos, entrevistas, participe de promoções e eventos. Todo conteúdo divulgado no site é criado ou editado por membros da equipe, qualquer conteúdo retirado daqui, mantenha seus devidos créditos. Somos apoiados pela Universal Music Brasil e pela Sony Music Brasil.

Todo mês de novembro, os memes sobre Mariah Carey descongelando lentamente e se preparando para assumir o controle das ondas de rádio começam a pipocar ​​novamente. Eles não estão errados: você mal consegue entrar em um shopping ou mercearia sem ouvir uma das canções festivas de Carey. A Rainha do Natal joga nesse espírito restivo. Este ano, ela esmagou as abóboras de Halloween de outubro e declarou corajosamente: “está na hora”.

Agora que entramos em dezembro, é de fato o horário nobre de Carey para brilhar. Na sexta-feira, a cantora está de volta ao Apple TV + com seu segundo especial de Natal, intitulado Mariah’s Christmas: The Magic Continues. É a sequência tão esperada de seu especial de Natal de 2020, que contou com os convidados especiais Ariana Grande, Jennifer Hudson e Snoop Dogg. Desta vez, Carey convocou seus amigos Khalid e Kirk Franklin para estrelar seu especial com ela – e apresentar uma nova canção de Natal com eles. Um novo especial também significa um novo guarda-roupa, e você pode ter certeza de que Carey envolve muito brilho.

A Vogue conversou com Carey para falar sua lista de desejos, seus planos para a manhã de Natal e suas joias favoritas, que ela batizou com o nome de ícones de Hollywood.

Estamos muito animados com a estreia do seu novo especial de Natal na sexta-feira. Como você acha que se compara ao especial do ano passado?

O ano passado foi muito, muito difícil porque foi o início do COVID. Todos precisávamos ter muito cuidado, pois ainda não havia vacinas e tínhamos que fazer dois exames por dia só para andar no set. Havia tantas regras – mas fizemos funcionar. Eu fiquei  pensando: eu não vou deixar ser cancelado!

[O diretor deste ano] Joseph Kahn é brilhante. Eu vivo para sua estética. Ele trouxe um frescor para ele. Você verá os belos cenários que ele trouxe. Nunca tive esse nível de valor de produção em toda a minha carreira. A própria banda é magnífica. E uma das grandes coisas sobre não ter que estar na estrada o tempo todo [devido ao COVID], é que isso me deu a chance de levar minha voz a um lugar onde não estava em anos e anos.

O especial inclui as participações de Khalid e Kirk Franklin. Conte-nos mais sobre a inspiração para a música que vocês fizeram juntos, “Fall in Love at Christmas”.

Nós o escrevemos no The Butterfly Lounge em Atlanta. Quando eu a escrevi, estava realmente vindo desse lugar de saudade e vontade de se apaixonar no Natal, porque é a época mais romântica e mágica do ano. Há uma linha na música que é realmente minha favorita. Diz: “No brilho da vela, estou acordado, mas ninguém sabe, Apenas esperando pacientemente para ouvir o tilintar dos sinos do trenó, Lá vão eles.” Todos os anos, eu me imagino [assim] quando todos estão dormindo na casa e está escuro. Quando as árvores de Natal estão acesas e há neve lá fora em Aspen. Nunca consigo estar em paz, ouvindo minha linda lista de reprodução de Natal, e eu adoro isso. Eu não acho que abandonei o Natal desde o último Natal.

Seus filhos, Monroe e Morroccan, também estão no especial. O que podemos esperar de suas participações especiais?

Zane [Lowe] queria falar com eles [no especial] e eu disse, “Caramba, o que vai ser” – porque você nunca sabe, eles são crianças! Eles têm 10 anos. Mas ele perguntou a eles quem ama o Natal mais, eu ou eles, e minha filha disse: “Acho que nós dois amamos o mesmo.” E meu filho disse: “Não, eu adoro isso mais!”

Não estou surpreso que eles adorem o Natal.

Eu literalmente acabei de receber a lista de Natal da minha filha na noite passada. Ela mandou uma mensagem para mim, e são 66 itens. Mas adoro dar isso a ela, porque quando eu era pequena não tínhamos dinheiro mesmo. Morávamos em uma série de barracos muito pequenos e pouco convidativos. As pessoas sempre me perguntam: “Por que você gosta tanto do Natal?” E eu fico tipo, “bem, eu tinha a família mais disfuncional do mundo que viria e estragaria tudo todos os anos!” Eu não tinha o que essas crianças têm. Minha mãe teve que embrulhar frutas e dar para nós. Mas contanto que eles apreciem isso.

Em minha biografia, The Meaning of Mariah Carey, também falo sobre escrever “All I Want For Christmas Is You”. Sim, é claro que é o glamour e os vestidos e as luzes, mas eu realmente acho que isso decorre de eu ser uma criança e sempre desejar mais.

Eu amo que você queira dar a eles um Natal incrível, e dar a eles todas as coisas que você nunca teve. Você já começou a lidar com as listas de Natal deles?

Estou extremamente atrasada com a minha situação de Natal. Hoje é o dia em que vou ver o que ainda está disponível. Há muitas coisas na lista da minha filha. Ela é muito artística. Ela adora pintar [e ela adora maquiagem.] Sem ofensa para as pessoas que fazem tutoriais de maquiagem, mas eu fico tipo, “você está perto de alguns dos maiores maquiadores de todos os tempos – podemos, por favor, dar uma olhada no que eles estão fazendo ? ” E, a propósito, ela não precisa disso – sua pele é  incrivelmente perfeita. Meu filho realmente está focado no PC que ele deseja.

Vamos falar sobre seu look natalino agora. Você pode nos contar mais sobre o vestido fabuloso que usará no especial de Natal?

Eu uso um vestido Dolce & Gabbana. Este ano, [meu estilista DiAndre Tristan e eu] tomamos uma decisão coletiva de que seria mais vintage [inspirado]. Combinava com o cenário de Nova York e o Edifício Chrysler. Tem um toque de bronze, ouro e cobre que é muito festivo, mas não em seu rosto. Eu vivo para todas as cores tradicionais de Natal – os vermelhos, verdes, brancos e pratas – mas isso era diferente. É todo frisado, e o vestido em si levou 250 horas para franzir. Ele pesava 28 quilos! Eu tive que ter seis caras lindos levantando-o para que eu pudesse andar. Todo mundo estava tipo, “Oh, ela está exagerando”, até que seguraram por dois segundos. O beading não é o beading comum. As próprias pedras eram gigantescas, mas ainda pareciam lindas e brilhantes. Era magnífico, mas doía pra caramba usá-lo.

Foi difícil cantar?

Quando algo está super apertado na área do meio, é difícil porque você tem que recuperar o fôlego e cantar. Mas estou acostumado com isso.

O que você gosta de usar nas festas de fim de ano quando não está trabalhando?

Normalmente estou escondida no quarto, como estou fazendo agora, e ninguém pode me ver. Estou usando um PJs Balenciaga que são adoráveis. Eles são brancos, com o logotipo preto da Balenciaga estampado neles. No início do COVID, eu estava vestindo muitas [roupas], mas me graduei para o pijama. E eu estou voltando lentamente para, tipo, uma legging Louis Vuitton fabulosa e uma camiseta Rag & Bone.

Também acho que as festas de fim de ano são um grande “momento” para joias. Você tem alguma peça favorita?

Eu tenho este colar. Você se lembra do momento Harry Winston e Sharon Stone? Eu a chamei de Pedra Sharon, e eu a uso muito. Eu também tenho um colar que chamei de Joan Collins, porque é muito elaborado. Há uma foto de Monroe quando ela era bebê, onde eu coloquei em sua cabeça. Na verdade, ela estava em um enquete de uma revista batizada de “quem usava melhor”,  contra uma celebridade muito grande, e minha filhinha ganhou! Era um colar, mas eu transformei em uma tiara. Eu também uso meu anel de borboleta o ano todo. Eu durmo com ele.

Como é a manhã de Natal em sua casa? O que você veste?

Papai Noel nos visita [na noite anterior] e traz suas renas. Nós saímos, ele vem, e então eu e o meu pequeno duende ficamos preparando as coisas. Acabo indo para a cama às cinco da manhã, o que para mim não é grande coisa, mas aí as crianças querem me acordar às seis. Então eu me levanto e tomamos o café da manhã. Eu uso pijamas com um lindo robe de  cashmere. Eu coloco alguns óculos escuros, prendo meu cabelo em um coque e coloco meus novos chinelos favoritos. Além disso, por que a Louis Vuitton não pode fazer chinelos vermelhos e verdes, em vez de rosa e bege? Quero fazer uma linha inteira de pijamas, roupões e chinelos para o Natal , e que sejam fabulosos. Eu sinto que esse é um dos meus pedidos.

Você vai fazer alguma festa este ano para amigos e família? Ou seguirá com as restrições por causa da pandemia?

Estaremos em Aspen. Estivemos em Aspen no ano passado e foi legal, mas não fomos a lugar nenhum. Bem, nós fomos a um lugar que é incrível – é como uma montanha-russa, mas na neve. Está congelando, mas meus filhos adoraram. Nós vamos para a montanha também. Eu sou uma garota do esqui.

Você gosta do estilo Après-ski?

Guardei todas as minhas roupas desde que comecei a ir para Aspen. E não vou dizer quantos anos são, porque não reconheço que estou nesta terra há tanto tempo! Eu tenho uma roupa Chanel pela qual vivo, que trago todos os anos. Eu os mantenho em boa forma. No ano passado, não comprei essa coisa especial, porque realmente senti que era supérfluo. Tipo, para onde estamos indo agora? Mas este ano, vou me divertir com isso. Eu simplesmente fui e olhei minhas roupas online para descobrir como podemos misturar as coisas e trazer uma nova peça de fabulosidade para elas. No momento, estou usando minhas botas lunares Louis Vuitton, elas são pretas com pele falsa. Eu os usei esta noite em Los Angeles porque estava muito frio e eles apimentaram meu conjunto.

Algumas perguntas para o fim de festas. O que você quer de Natal este ano?

Eu quero um Natal tranquilo e calmo, onde eu possa desfrutar dos belos cenários e as pessoas serão legais umas com as outras. Estas são as coisas que não tive quando criança. Estou comprando uma banheira de hidromassagem para a nova casa que acabei de comprar em Atlanta – esse é o meu presente para mim. Mas não estou procurando por mais nada.

Esse é realmente o verdadeiro significado do Natal – não os presentes, mas ser grato pelo que temos. Por que você acha que é especialmente importante lembrar este ano?

Tivemos dois anos difíceis, e isso é um eufemismo. Mas este ano vai ser mais divertido. Vai ser melhor, eu acredito. Eu amo as festas de fim de ano, elas são minha época favorita do ano, mas o que eu realmente vivo são os trópicos logo depois.

Oh! Amo isso. Pra onde você vai?

Vou aonde quer que alguém esteja me convidando. Eu amo a praia e amo as festas de fim de ano. Eu amo os dois. Mas eu sou uma babada pelo Natal. As pessoas pensam que estou inventando, mas realmente não estou!

Fonte: Vogue Magazine

Deixe sua opinião

Este artigo não possui comentários

20211219_174739~0.jpg
20211217_133529~0.jpg
20211219_174745~0.jpg
20211211_183105~1.jpg
20211221_161045~0.jpg
20211220_125007~0.jpg
20211224_170457~0.jpg
20211223_093544.jpg
20211231_213730.jpg
20211223_104927.jpg
20211231_211215.jpg
20220109_035632.jpg
20220106_205456.jpg
20220109_035634.jpg
272017671_1064994154081117_3168311596266756046_n.jpg
271884626_337563711451893_3542272081485204035_n.jpg